Entenda o caso

O diretor do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas (Sindmetal-AM), João Brandão, em entrevista ao Jornal do Commercio publicada no último dia 30 de dezembro, informou que fábricas como a Bendsteel da Amazônia Indústria e Comércio de Estamparia de Metais Ltda, a Wap Metal Componentes Metálicos da Amazônia e a Ifer da Amazônia Ltda tiveram reduções extremas nos quadros de funcionários, cortes nos benefícios trabalhistas e atrasos nos pagamentos e que as fabricantes devem fechar as portas nos próximos meses.

No entanto, o presidente do Sindmetal-AM, Valdemir Santana, esclarece que as empresas Wap Metal Componentes Metálicos da Amazônia e a Ifer da Amazônia Ltda não fecharam as portas e sim estão em situação de Recuperação Judicial, que é uma medida para evitar a falência de uma empresa.

Santana explica que legalmente a Recuperação Judicial é solicitada quando a empresa perde a capacidade de pagar suas dívidas. “Isso é uma forma, amparada por lei, para que a empresa em dificuldades reorganize seus negócios e se recupere da dificuldade financeira em que se encontra”, explicou o presidente.