A

Somados todos os trabalhadores do PIM, chegamos à marca dos 120 mil trabalhadores distribuídos em aproximadamente 700 fábricas de pequeno e grande porte.

Convenção Coletiva de Trabalho do Sindicato dos Metalúrgicos de 2013, que tem como meta a aprovação do reajuste salarial acima da inflação e ganhos reias para todos os trabalhadores do Polo Industrial de Manaus – PIM, revelou outro dado importantíssimo, quando o presidente da entidade sindical, Valdemir Santana colocou para a aprovação dos trabalhadores em Assembleia da Categoria, dia 06 de junho, mais três clausulas, que se aprovadas, elevará, consideravelmente, o número de profissionais formados pelas universidades, nas fileiras de trabalho do Distrito Industrial do Amazonas.

Valdemir propôs aos mais de 800 trabalhadores concentrados no auditório dos Metalúrgicos, que votassem a proposta de inclusão das cláusulas que obrigará as empresas a contratar (01) Assistente Social para cada 300 funcionários existentes na fábrica. Propôs ainda, que cada empresa do DI tenha um Nutricionista e um Psicólogo.

Somados todos os trabalhadores do PIM, chegamos à marca dos 120 mil trabalhadores distribuídos em aproximadamente 700 fábricas de pequeno e grande porte. Se a clausula passar, as empresas do PIM terão que contratar mais 400 Assistentes Sociais, 700 nutricionistas e também 700 psicólogos. Ou seja, com a aprovação da Pauta da CCT/2013, aproximadamente 1.800 profissionais de nível superior estarão com empregos garantidos no Polo Industrial de Manaus até o fechamento das negociações, em agosto.