Antônio Neto, delegado dos trabalhadores brasileiros na 110ª Conferência Internacional da OIT (Organização Internacional do Trabalho),  acusou o presidente Jair Bolsonaro de genocídio e de ser uma ameaça à democracia em discurso na manhã desta terça (7/6), no Parlamento da ONU em Genebra.

 

Fonte: Isto É