Trabalhadores denunciam cenário de pânico na empresa Cal-Comp

Em meio ao pico da pandemia do novo coronavírus no Amazonas – com mais de 8 mil casos e quase 700 óbitos confirmados, ainda há empresa do Polo Industrial de Manaus agindo com descaso em relação as medidas de segurança para evitar o contagio.

Vários trabalhadores da empresa Cal-Comp entraram em contato com o Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas para denunciar o descaso com o momento que estamos vivendo em meio a pandemia do novo coronavírus no Amazonas e no mundo.

Já foram confirmadas mortes de funcionários, várias pessoas com suspeita de contaminação, denúncias de que não há medidas de proteção quanto aos cuidados que os órgãos de saúde e vigilância sanitária recomendam, trabalhadores continuam aglomerados, muito próximos uns dos outros, não respeitando a distância de segurança recomendada para evitar o contágio e o uso de EPI’s.

Trabalhadores em pânico relataram como estão trabalhando em meio ao pico da pandemia, expressaram medo e pânico, pois há trabalhadores morrendo no Distrito Industrial.

O Sindmetal-AM registra esta denúncia contra a empresa Cal-Comp e encaminha aos órgãos de vigilância em saúde para atenderem os apelos dos trabalhadores desta empresa, que querem manter seus empregos, mas acima de tudo as suas vidas, e a empresa precisa cumprir com suas obrigações trabalhistas as quais os trabalhadores tem direito.

Compartilhe:

Últimas Notícias

Secretaria de Mulheres do Sindicato dos Metalúrgicos denuncia PL 1904/2024

EDITAL DE CONVOCAÇÃO – ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA – DAIDO INDUSTRIA DE CORRENTES DA AMAZÔNIA LTDA

EDITAL DE CONVOCAÇÃO – ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA – MOTO HONDA DA AMAZÔNIA LTDA – HONDA COMPONENTES DA AMAZÔNIA LTDA

DESTAQUES

EDITAIS

SINDICATO DOS METALÚRGICOS DO AMAZONAS

Somente MENSAGEM VIA E-MAIL!
Atendimento – Segunda a sexta-feira: 9 às 12h00 e 14 às 17h00
ouvidoria@sindmetal-am.org.br