Cerca de 105 mil trabalhadores do Polo Industrial de Manaus (PIM) vão receber de 10% até 11,25% de reajuste no salário, na categoria eletrônicos, injetando mais de R$ 30 milhões de reais na economia do Amazonas.

Após rodadas de negociação, a Campanha Salarial dos trabalhadores do Polo Industrial de Manaus (PIM) encerrou-se com o acordo entre o Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas (Sindmetal-AM) e o Sindicato Patronal.

Em um dos processos mais difíceis de negociação dos últimos anos, em razão da situação econômica do País, com o governo Bolsonaro como o pior em 4 décadas, a comissão do Sindmetal-AM resistiu às tentativas de retroceder nos direitos já consolidados na Convenção Coletiva de Trabalho da categoria.

Segundo o presidente do Sindmetal-AM, Valdemir Santana, as negociações não foram fáceis, “O sindicato patronal pensou que aceitaríamos o argumento de que com a crise econômica não seria possível reajustar os salários neste ano, como é direito do trabalhador do PIM, por isso, tornamos mais eficaz a mobilização da campanha salarial, pela valorização do trabalhador de chão de fábrica”, desabafou o presidente.

Veja a Tabela com Reajuste da Categoria CLIQUE AQUI

Com isso, a classe trabalhadora demonstrou união e confiança, delegando a responsabilidade e liderança à diretoria sindical e ao presidente Valdemir Santana, para conquistar 10% de reajuste para mais de 70% dos trabalhadores das empresas do PIM e a manutenção da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), que são os benefícios mais importantes, como: plano de saúde, transporte especial, creche, alimentação e muitos outros benefícios conquistados através de muitas lutas.

  

 

 

Valdemir Santana – Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas