O Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas denuncia que nunca houve tantas demissões de pessoas capacitadas ao longo de mais dez anos de instalação da Empresa Samsung no Polo Industrial de Manaus.

Pela empresa já passaram vários presidentes, diretores de finanças, de RH, e não identificaram os problemas que geraram tantas demissões, aí chega um ditador vindo do México, querendo regredir no tempo e demitindo trabalhador que tinha mais de 5 anos de fábrica, tirando direitos que foram conquistados pelos trabalhadores, através de lutas e ações constitucionais do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas.

Hoje a realidade da SAMSUNG está assim: empresa está sem acordos, trabalhando irregularmente na área de embalagem, no menor aprendiz, com horário de trabalho inadequado, a fábrica está toda irregular.

Vários trabalhadores com mais de 5 anos de fábrica foram demitidos por serem julgados ‘maus funcionários’, esse ditador mexicano é o dono da verdade??? Embora, no ano de 2019 tenham sido realizadas mais de mil demissões na Samsung e alguns direitos não foram pagos aos trabalhadores, o Sindicato já está ciente de toda essa situação.

Esse ditador Mexicano devia voltar para o México, pois aqui em Manaus os trabalhadores são esclarecidos e conhecedores de seus direitos trabalhistas, não são bobos não, e tem a presença do Sindicato que luta pela garantia de seus direitos.

A situação está crítica na Empresa Samsung!!!

O dia 24 está CHEGANDO!!!