O pagamento sai até o dia 11 de abril, segundo diretor dos Metalúrgicos

O advogado do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas, Luiz Fernando foi ao município de Cutia, São Paulo, para solucionar, em definitivo, o problema de pagamento dos salários e da cesta básica dos funcionários da H. Buster da Amazônia, referente ao mês de março de 2013.
O Sindicato vinha buscando resposta para o atraso do pagamento junto à direção da H. Buster, mas a diretoria local não informava os motivos que tinham levado a empresa a não efetuar o pagamento dos trabalhadores.
Em São Paulo, o advogado do Sindicato ficou sabendo que o motivo seria uma dívida, que a H. Buster tem com fornecedores, assim como, dívidas trabalhistas pendentes, que esta forçando o Banco reter o dinheiro depositado pela Matriz.
Chegando de viagem hoje, 09, Luiz Fernando disse que teve garantias da Matriz, de que o pagamento sairá até a próxima quinta feira, 11, para todos os 300 trabalhadores em atividades e os 900 que estão em casa de licença remunerada.